Te empresto meus olhos

Eu te empresto meus olhos. Pra você ver o mundo através das minhas lentes preferidas: do amor, da criatividade, do encantamento, da gratidão, da abundância, da leveza, da bondade e da diversão.
Isso não quer dizer que não haja desafios, lições um pouco mais duras, dores, dissabores, desalentos na minha vida.

Quer dizer apenas que eu escolho focar no que me alegra e deixa minha alma me lembrar a glória que é estarmos vivos. Aqui e agora.

Ao nosso redor, tem de tudo. Tudo mesmo. Aquilo que chamamos de realidade é um supermercado com prateleiras longas e infindáveis, de pensamentos, sentimentos, coisas e fatos. Prontinhos para serem comprados por nós.
Eu tenho escolhido comprar e levar pra casa para meu consumo coisas alegres, leves, capazes de nutrir minha mente, minha alma e meu coração.

Eu te empresto meus olhos.
Para você escolher diferente, escolher de novo, escolher amor – como prega Um Curso em Milagres.
Eu te empresto meus olhos. Para você se lembrar de que seus olhos podem ser o obturador fotográfico capaz de deixar entrar toda a beleza, frescor e abundância que já o cercam – e que você pode começar a escolher ver todos os dias da sua vida.

Eu te empresto meus olhos. Na esperança de que você me empreste seus óculos-de-ver-o-mundo. Assim, aprendo com você e você comigo.
E juntos angariamos novos e lindos pontos de vista.

CurtirMostrar m



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *